Bad Vibes acontece

Dias ruins e bad vibes todo mundo tem.

Eu poderia ensinar mil formas de fazer seu dia um pouco melhor, mas tem vezes que a gente quer somente deixa o dia terminar.

Badinho- Bad Vibes

Esse é o Badinho. Criado pela tatuadora mais talentosa e linda de mundo, Fernanda Valério, que por coincidência é minha prima!

Meu dia hoje está extremamente péssimo, briguei com todo mundo, chutei o pé da cama, me cortei no banho, meu cabelo está um caos, não encontro meus óculos… A última coisa que quero nesse momento é ir fazer yoga, ouvir música ou comer chocolate. Quero ficar sozinha no meu quarto, deitada, sem fazer nada. Talvez chorando ocasionalmente.

E está tudo bem com isso. Não preciso ser feliz o tempo todo e nem lutar contra a raiva no mesmo instante que ela aparecer. Não estou falando que defendo a depressão ou coisa do tipo. Somente agora, nesse momento, quero viver minha frustração. Sei que vai passar, que não revolve ficar assim, sei de tudo que qualquer um pode me dizer.

A questão é: me deixa em paz!

A paz que eu quero é para sentir a bad vibe que chegou e no meu momento mandar ela embora. Só peço que respeitem meu tempo.

Parem de impor a felicidade intermitente a qualquer custo. Chega de qualquer ditadura (da beleza, dos padrões, da good vibes)! Não força a barra, não imponha regras para vida de ninguém.

É ok se sentir triste, é ok ficar chateada, com raiva, frustrada e/ou puta da vida. Isso pode durar dias ou minutos, de qualquer forma faz parte da nossa caminhada. Consigo entender o quanto deve ser incomodo ver alguém que amamos sofrendo, mas isso é normal na vida das pessoas, respeite o sentimento do coleguinha, deixa cada um lidar com a bad vibe da sua maneira…

Tenho  certeza que não sou a única que pensa assim… Não é possível.

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone
Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...