Meu Sal de Ervas

Vocês conhecem o sal de ervas? Ele é uma alternativa para reduzir o consumo de sódio em nossa rotina. A receita é simples: basta bater no liquidificador o sal (comum, marinho, grosso, do himalaia…) com algumas ervas secas.

sal-de-ervas

Aqui em casa usei 3 colheres cheias de sal comum + 5 colheres de ervas finas + 3 colheres de cominho em pó + 5 colheres de orégano + 4 colheres de alecrim.

Além dos benefícios da diminuição de sódio, os temperos naturais são cheios de propriedades maravilhosas. Dá uma conferida nos que eu usei:

Cominho: 

Pela sua riqueza em ferro, proporciona o aumento da hemoglobina no sangue tornando-se assim um suplemento natural para a qualidade do mesmo ajudando por exemplo em casos de anemia. É um grande facilitador na absorção de nutrientes pelo corpo humano uma vez que aumenta o metabolismo do corpo. O uso desta planta medicinal reforça também as imunidades naturais do corpo pelas suas propriedades anti oxidantes; retarda por exemplo o crescimento de células cancerígenas no caso de cancro da mama e cólon.

O consumo do cominho melhoras as funções mentais em geral acelerando e recuperando a memória. Porque estimula a produção de enzimas é um aliado no alivio de doenças comuns ao nível digestivo.

Orégano: 

Serve para tratar problemas respiratórios, como a tosse, o resfriado, o catarro e a inflamação da garganta, problemas intestinais, como a diarreia e a flatulência, infecções urinárias, como a candidíase, doenças de pele, como a dermatite eritematosa, a ftiríase que é uma doença de pele causada por piolhos e sarna e o alívio de dores reumáticas, menstruais ou de cabeça.

O orégano, na alimentação diária, está associado à prevenção de doenças cardiovasculares devido às suas propriedades que atuam como antioxidantes naturais e à prevenção da hipertensão, pois o orégano ressalta o sabor dos alimentos, reduzindo o sal nas refeições.

Alecrim:

A medicina popular utiliza a planta há muito tempo, no tratamento de diversas enfermidades. Acredita-se que a erva fortifica o sistema nervoso, melhora a circulação sanguínea, combate as doenças respiratórias, reduz os sintomas do reumatismo, dentre outros benefícios. Por isso, o consumo da erva é indicado em casos de reumatismo, depressão, cansaço, má circulação, gases intestinais, insônia, dores de cabeça, cólicas menstruais, feridas que precisam ser cicatrizadas.

O alecrim atua como anti-inflamatório, relaxante muscular, fortificante, cicatrizante, antisséptico e bactericida. Outra boa notícia é que a erva possui grandes quantidades de substâncias antioxidantes, capazes de retardar o envelhecimento das células e eliminar toxinas de nosso organismo.

 width=

Mas na verdade você pode personalizar seu sal e bater qualquer condimento natural, tornando o tempero a sua cara. Dessa forma os sabores dos alimentos ficam mais intensos, você usa menos sal na comida e sua saúde agradece.

Eu fiz bem pouquinho porque gosto dele sempre fresquinho. Essa quantidade dura umas duas semanas por aqui. O ideal é guardar em um pote de vidro, mas como estava sem, foi no de plástico mesmo.

Vocês já fizerem o sal de ervas em casa? O que usaram? Se tiverem alguma dica boa deixem aqui nos cometários ok?

Beijoooos!!!

 

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...